crônica

Agora VAR !

Publicado em 17 de setembro de 2019, por Jan Parellada
Compartilhar
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter

A maioria ainda não decidiu se ama ou odeia o VAR, a minuciosa revisão de lances polêmicos do futebol.

Para mim é uma questão simples, o VAR é ótimo, a ciência exata chegou finalmente ao esporte mais popular do planeta, já é possível marcar impedimentos milimétricos, quem mandou o atacante não cortar a unha do dedão do pé e o zagueiro insistir naquele topete ridículo.

Agora sim haverá justiça absoluta dentro das quatro linhas sagradas do gramado, em primeira e segunda instância, com decisão monocrática e colegiada de juízes infalíveis.

Chega de roubalheira contra o meu time!

Tecnologia é que nem gosto, não se discute, o que são alguns minutos de paralisação de uma partida, no máximos seis ou sete, para confirmar um gol. Ainda que a torcida já tenha comemorado, desfraldado e recolhido o bandeirão e o centroavante caído no choro depois de desencalhar vinte jogos sem marcar. Vale, claro, a verdade e a justiça maior.

Maravilha tecnológica, o VAR é o ponto final da impunidade que assola o nobre esporte bretão. Acabou a tirania, agora vale a interpretação ultra objetiva, imune a arbitrariedade dos árbitros.

“Torcida unida jamais será vencida!”.

Verdade que odiei o golaço anulado que tirou o meu time da final, que foi muito mal interpretado por aquele pessoal do VAR.  Acontece, mas que anticlímax!

Depois desse lance, confesso que comecei a duvidar dos supremos poderes do VAR. Ridículo, até um cego enxergaria que não houve irregularidade nenhuma ali.

Não bastasse ser roubado pelo mesmo  juiz que sempre apita contra o meu time, agora também estão escalando árbitros mal intencionados para juntos , mancomunados, prejudicarem a maior equipe de futebol da história desse esporte.

Um bando de ladrões!

Que criminosos, é o fim do mundo!

Pensando bem: “Ei, VAR, vai … chupa caju!

Compartilhar
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter